sábado, 26 de setembro de 2020

Covid-19: Nas últimas 24 horas foram registrados 69 casos em Feira de Santana


 Nas últimas 48h, Feira de Santana não registrou nenhum óbito por Covid-19. O município manteve a marca de 9.297 curados da doença desde o início da epidemia, índice que representa 91% dos casos confirmados. Enquanto isso, 55 pessoas que aguardavam resultado do exame testaram negativo e 69 casos foram positivos hoje.
O boletim epidemiológico contabiliza ainda 23 pacientes internados no município e 708 casos ativos, ou seja, pessoas que ainda estão com a doença. A informação é da Vigilância Epidemiológica através da Secretaria de Saúde neste sábado (26).

Não se deve menosprezar a capacidade de um surdo, diz pesquisador

 

Entre livros, aulas e pesquisas, Messias Ramos Costa se prepara para defender seu doutorado em Linguística, pela Universidade de Brasília (UnB). Enquanto trabalha e participa da entrevista com a Agência Brasil sobre o Dia Nacional dos Surdos, seu cão lhe indica que há alguém batendo na porta. É assim que dribla a falta de audição enquanto comenta sobre o intercâmbio que realiza em Lisboa para que sua pesquisa seja contemplada. “Minha proposta é fazer um projeto mundial de interação entre os países na área de linguística em línguas de sinais.”

Prefeitura autoriza retomada gradual das atividades musicais em restaurantes


Está permitida a retomada gradual das atividades musicais em restaurantes e casas que oferecem serviços de bar em Feira de Santana, desde que haja o cumprimento das medidas de segurança e prevenção contra o coronavírus. A decisão foi publicada no Diário Oficial Eletrônico, nesta sexta-feira, 25.

A medida está condicionada ao cumprimento dos seguintes protocolos de segurança: isolamento da área dos músicos, não possibilitando acesso dos clientes para pedidos de música ou qualquer interação; distanciamento mínimo de dois metros entre o palco e as mesas dos clientes; inexistência de espaço de dança, como pistas, mesmo que em tamanho reduzido; disponibilização de álcool em gel para os músicos. A música ambiente deve estar em até 70 decibéis durante o dia e 60 decibéis a noite.

sexta-feira, 25 de setembro de 2020

Tomba continua liderando em casos de covid-19. Confira lista completa e atualizada


A Prefeitura de Feira de Santana, através da Divisão de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Muncipal de Saúde, divulgou nesta sexta-feira (25) a relação atualizada do número de casos de Covid-19 por bairros e localidades. O bairro Tomba continua registrando o maior número, com 617 casos confirmados.

O SIM é o segundo nesta relação, com 594.  As informações são da Prefeitura Municipal, por meio da Divisão de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Nas localidades que apresentam maior número de pessoas contaminadas pelo vírus, a Prefeitura tem intensificado as ações.

Covid-19: 48 casos confirmados e 209 resultados negativos nas últimas 24 horas em Feira de Santana


Nas últimas 24h, Feira de Santana não registrou nenhum óbito por Covid-19. O município atingiu a marca de 9.297 curados da doença desde o início da epidemia, índice que representa 92% dos casos confirmados. Enquanto isso, 209 pessoas que aguardavam resultado do exame testaram negativo e 48 casos foram positivos.
O número de pacientes internados reduziu de 27 para 23, nas últimas 24h. O boletim epidemiológico contabiliza ainda 663 casos ativos, ou seja, pessoas que ainda estão com a doença. A informação é da Vigilância Epidemiológica através da Secretaria de Saúde nesta sexta-feira (25).

Flifs Virtual segue até este sábado com programação variada. Encerramento será às 20hs com Del Feliz

 Lançamento de livros, apresentações culturais, contações de histórias e mesas de debates são algumas das atividades ainda previstas para acontecer até este sábado na Feira do Livro / Festival Literário e Cultural de Feira de Santana (Flifs). A programação do evento, totalmente virtual por conta da pandemia, está sendo transmitida pelo Youtube (FLIFS OFICIAL).

Atendimento a adolescentes: Hospital da Mulher é referência em planejamento familiar

 

Com o objetivo de ofertar cada vez mais uma assistência humanizada e orientar adolescentes quanto aos riscos da gestação precoce, a Fundação Hospitalar de Feira de Santana (FHFS), por meio do ambulatório do Complexo Materno Infantil do Hospital inácia Pinto dos Santos (HIPS), otimizou a marcação de consultas para o planejamento familiar. Desta forma, as pacientes recebem atendimento médico com maior brevidade, refletindo positivamente na qualidade do serviço ofertado.  

O Serviço de Planejamento Familiar, implantado em 2018, é coordenado pelo ginecologista obstétrico, Francisco Paulo Cerqueira Mota. Desde então, vem comprovando a sua eficácia na assistência e no acompanhamento de mulheres que planejam ter filhos, com orientações às mais jovens diante do risco da gravidez precoce na adolescência.

Adab emite alerta sobre sementes 'misteriosas' que têm sido enviadas por correio

 
A Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab) emitiu um alerta nesta semana para que a população baiana fique atenta ao recebimento de sementes "misteriosas" pelo correio, sem que tenha feito a encomenda do produto.

Até o momento, houve quatro denúncias de recebimento de sementes de origem desconhecida em Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Goiás e Mato Grosso do Sul. O Ministério da Agricultura acompanha as investigações. Ainda não há casos na Bahia.

Governo libera transporte coletivo intermunicipal em todo o estado da Bahia

O governador Rui Costa anunciou hoje (25) a liberação do transporte intermunicipal em todos os 417 municípios baianos.  A liberação foi anunciada durante agenda em Porto Seguro durante a manhã. A retomada do transporte coletivo intermunicipal vai poder recomeçar a partir da próxima segunda-feira (28), em 114 cidades do Sul, Extremo Sul e parte do Sudoeste. Com esta decisão, todos municípios da Bahia poderão reabrir os terminais rodoviários.

Dengue pode oferecer imunidade contra Covid-19, diz pesquisa

Um estudo liderado pelo pesquisador brasileiro Miguel Nicolelis chegou à conclusão de que o histórico de dengue pode contribuir para a imunidade contra o Covid-19. Lugares onde a população teve dengue no ano passado ou no início deste ano demoraram mais para ter a contaminação comunitária.

Ainda de acordo com o estudo, é possível que medicamentos ou vacinas em desenvolvimento para a dengue possam contribuir de alguma forma na proteção contra o coronavírus.