segunda-feira, 23 de abril de 2018

Democracia, rede social e o poder compartilhado

Estruturalmente, a democracia, estabeleceu, ou tentou, um sistema de pesos e contrapesos que permitissem o equilíbrio entre o Executivo, Legislativo e Judiciário, divisão que vigora a maior parte de nossa existência. Na interface com estes elementos centrais, alguns outros, foram sendo criados e exercem influências variáveis como fazem a Polícia, o Ministério Público e a Imprensa, por vezes chamada de quarto poder. Não a toa, Churchill, dizia: " não há opinião pública; há opinião publicada".
 
O cidadão sempre foi a opinião publicada, por outros, afinal, exceto em momentos esparsos de conflitos revolucionários, raramente ele encontrava maneiras de representar sua opinião. O advento da internet e sua filha serpente- as redes sociais- tornaram cada cidadão uma opinião pública, frequentemente inconciliável com as demais e que reage, geralmente de modo feroz, quase irracional e até violento, a qualquer discordância ou tentativa de contra-argumento.

Prefeitura prorroga até 24 de maio pagamento do IPTU em conta única com desconto

A Prefeitura de Feira de Santana prorrogou até o dia 24 de maio do pagamento do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) em cota única e com desconto de 20% no valor devido, relativo ao exercício de 2018. O prazo inicial foi encerrado no dia 12 de abril.
O secretário da Fazenda, Expedito Eloy, disse que a prorrogação deve-se à reclamações de contribuintes que afirmaram não ter quitado o carnê no prazo previsto devido à greve dos Correios. “Afirmaram que não receberam os boletos, daí a decisão da prorrogação”.
Ele afirmou que o desconto oferecido aos contribuintes feirenses, para pagamento em cota única, é um dos maiores de todo o país. O valor a ser pago, a depender de quanto seja, pode ser dividido em parcelas mensais. Mas neste caso, o desconto é suspenso.

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Bloco Tracaja:15 anos de alegria

Tudo pronto para mais um glamoroso desfile do Bloco Tracajá que completa 15 anos de folia, irreverencia e alegria. No entanto, ainda é um brotinho, levará à avenida Presidente Dutra, Circuito Maneca Ferreira, 600  alegres foliões e terá a animação da Sinfônica Tracajá, com Samba de Roda Brilhante de Irará e ainda a Banda do Maestro Nilo, de São Gonçalo dos Campos.

Hoje tem Daniela Mercury, Saulo e Psirico na avenida

A segunda noite oficial da Micareta de Feira será marcada pela predominância absoluta do ritmo que consolidou os carnavais - inclusive os fora de epoca - na Bahia, disseminando a festa de rua Brasil afora: o axé music. Grandes ícones desse gênero musical passarão pelo Circuito Maneca Ferreira na noite desta sexta-feira, 20. A primeira grande atração será Daniela Mercury, considerada a rainha do axé. 
Grandes clássicos da música baiana foram eternizados através da cantora. Consolidada como uma das principas puxadoras de trio do mundo, Daniela deverá arrastar uma mutidão de fãs, formando a "pipoca" mais diversificada da Micareta de Feira. No repertório ela trará desde os antigos sucessos, como "Rapunzel", "Nobre Vagabundo", e "A Primeira Vista", até os mais recentes como "Banzeiro". Daniela também vai comemorar no Circuito Maneca Ferreira os 25 anos do sucesso "O Canto da Cidade", considerado um ícone na sua carreira e um dos jingles mais marcantes da história da música baiana e brasileira. 

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Por que 19 de abril virou dia do índio

O dia 19 de abril é conhecido no Brasil todo como o "dia do índio", e essa data não foi escolhida à toa. Sua origem remete a um protesto dos povos indígenas do continente americano ainda na década de 1940, quando um congresso organizado no México se propôs a debater medidas para proteger os índios no território.
O Congresso Indigenista Interamericano, realizado em Patzcuaro, aconteceu entre os dias 14 e 24 de abril de 1940.
Em princípio, os representantes indígenas haviam se negado a participar do evento, achando que não teriam voz ou vez nas reuniões - que seriam comandadas por líderes políticos dos países participantes. Os índios, então, fizeram um boicote nos primeiros dias, mas, justamente no dia 19 de abril, decidiram aparecer no congresso para tomar parte nas discussões.
Foi por conta disso que a data escolhida para celebrar o dia do índio acabou sendo essa.

quarta-feira, 18 de abril de 2018

O que é verdade e o que é boato nos alertas sobre epidemia de gripe no Brasil

"Não dá pra morrer de H1N1 no século 21."
Assim Katia Martinez desabafou no Facebook no dia 10 de abril, dois dias depois da morte da irmã dela, Nadia Trost, e seis dias depois do falecimento de Ribamar Henrich Trost, marido de Nadia. O casal estava internado no Hospital Unimed de Rio Claro, cidade a 175 km de São Paulo, com problemas respiratórios graves.
Exatamente no dia 10, a Fundação Municipal de Saúde de Rio Claro soltava nota com o laudo do Instituto Adolfo Lutz sobre as amostras do casal: positivo para H1N1, vírus da gripe. A família não quis dar detalhes do ocorrido pessoalmente.
"Ninguém quer falar porque estamos vivendo um luto imensurável, chocante e trágico", disse Katia à BBC, por mensagem.
O recolhimento é compreensível. Não apenas pelo abalo em função da perda repentina dos parentes, e por uma doença vista habitualmente como corriqueira, mas também pela superexposição do caso nas redes sociais. À foto de Ribamar e Nadia, tranquilos e abraçados no que parece uma comemoração recente, se juntaram áudios e comentários por escrito alertando ora para uma epidemia de H3N2, ora para variantes como H2N3, HN1N3 e gripe australiana, acrescidos da afirmação de que a vacina seria uma "arma química para exterminar os idosos".

Espaço da Criança garante proteção na Micareta

Crianças perdidas ou em situação de vulnerabilidade no circuito da Micareta têm garantido um espaço mantido, assistido e monitorado pela rede de proteção aos direitos das crianças e adolescentes em Feira de Santana. É o Espaço da Criança, que será inaugurado nesta quinta-feira, 19, nas instalações do Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, na Circuito Maneca Ferreira, onde funcionará até encerramento da festa momesca.
O espaço da Criança é mantido através de parceria entre o Governo Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso), o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescentes (CMDCA), o Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA) e a Comissão do Programa de Ações Integradas e Referenciais de Enfrentamento à Violência Sexual Infanto-Juvenil (PAIR).

terça-feira, 17 de abril de 2018

Como usar brincadeiras para ensinar habilidades essenciais a crianças, segundo Harvard


Pensar antes de agir, planejar e traçar objetivos, focar a atenção, ser flexível e controlar as emoções são habilidades consideradas essenciais na vida adulta, e pesquisas científicas mostram que elas devem ser ensinadas desde cedo.
Em Harvard, o Center on the Developing Child, que estuda desenvolvimento infantil, preparou um guia para ensinar pais, professores e cuidadores a estimular, em crianças de todas as idades, essas que são chamadas de funções executivas - ou de "habilidades para a vida".
"São habilidades para a vida porque são importantes para qualquer emprego, para buscar objetivos, para ser pai e mãe ou para cumprir múltiplas tarefas simultaneamente, por exemplo", diz à BBC Brasil o médico Jack Shonkoff, diretor do centro de Harvard. "Não são conceitos novos, mas com o avanço da neurociência passamos a entender como eles impactam o desenvolvimento."

Micareta trará atrações para todos os gostos

A Micareta 2018, que acontecerá de 19 a 22 (quinta-feira a domingo) terá atrações que vai atender aos mais diversos estilos musicais: arrocha, axé, forró, samba, reggae e pagode.  E mais uma vez, vai se consagrar como a Micareta do folião pipoca, uma festa democrática!
Na quinta-feira, 19, primeira noite oficial da festa, quando as majestades serão coroadas e a Chave da Cidade será entregue ao Rei Momo, além de Devinho Novaes, tido como  grande sensação deste ano, conhecido nas paradas de sucesso, e uma das atrações mais esperadas pelo folião, “O Boizinho”, que vai se apresentar no Circuito Maneca Ferreira, a animação ficará por conta de Bell Marques, Léo Santana, Tayrone Cigano, Timbalada, É o Tchan e Paragonlé.
Na sexta-feira, 20, vão desfilar pelo Circuito Maneca Ferreira Saulo, Daniela Mercury, Rafa e Pipo, Oz Bambaz, Babado Novo, Katê e Axé Forever.
A penúltima noite o comando da Micareta ficará por conta da banda Chiclete com Banana, Denny, Cheiro de Amor, Edson Gomes, Bailão do Robsão, Netinho e Ninha. E no domingo, 22, vão se apresentar Claudia Leitte, Solange Almeida, Pablo, Alavontê, Armandinho e Aline Rosa.

Confira a grade completa:

segunda-feira, 16 de abril de 2018

‘Fui professor por 17 anos sem saber ler’


John Corcoran teve uma infância comum no Estado americano do Novo México, nas décadas de 1940 e 50. Frequentou a escola e a universidade e se tornou professor quando se formou - mas fez tudo isso guardando um segredo improvável: ele não conseguia ler uma frase sequer. Em depoimento à BBC, ele relata o sofrimento de ter tido que recorrer a estratégias frequentes para esconder seu analfabetismo, até decidir revelar a verdade ao mundo, aos 48 anos:
"Quando eu era criança, escutava dos meus pais que eu era um vencedor. E, nos meus primeiros seis anos, eu acreditei nisso.
Demorei a aprender a falar, mas frequentava a escola cheio de expectativas de aprender a ler como minhas irmãs - e tudo correu bem nos primeiros anos, porque o que mais se exigia das crianças era fazer fila, sentar, ficar caladas e ir ao banheiro no horário determinado.
Até que, na segunda série, a gente precisava aprende a ler. Mas para mim (o livro didático) era como um jornal em mandarim - não entendia o que estava naquelas linhas. E, aos seis, sete e oito anos de idade, eu não sabia como explicar esse problema.

Como planos de celular com Facebook e WhatsApp ilimitados podem potencializar propagação de notícias falsas


Uma notícia chega por mensagem de WhatsApp, mas é impossível clicar no link que a acompanha. Sem acesso à internet, o usuário acaba lendo apenas o título.
A situação acontece com parte dos brasileiros, usuários de planos de celular que dão a possibilidade de usar aplicativos como o Facebook e o WhatsApp, entre outros, sem que seu uso seja descontado do pacote de dados do consumidor e mesmo quando os dados de internet do celular acabam.
Isso significa que, terminado o pacote de dados, o usuário só pode acessar esses aplicativos, mas não pode abrir links, fazer uma simples pesquisa na internet ou ler notícias em portais de jornalismo ou de outras fontes.
A prática de prover dados ilimitados e sem custo para determinados aplicativos - que podem ser redes sociais, aplicativos de streaming de música ou vídeo, programas de navegação, entre outros - é chamada de "zero rating". Muitos países, como o Brasil, permitem o zero rating, prática que divide opiniões.

Rede social, humanos, opinião pública e o inferno.


Toda sociedade não é mais do que a luta pelo protagonismo e poder decorrente desta ocupação. É assim com o dono da bola no baba da rua, nas relações amorosas- sim, há um jogo de poder, em que muda só o que desejamos fazer com o oponente-, e no exercício da política.
Estruturalmente, a democracia, estabeleceu, ou tentou, um sistema de pesos e contrapesos que permitissem o equilíbrio entre o Executivo, Legislativo e Judiciário, divisão que vigora a maior parte de nossa existência. Na interface com estes elementos centrais, alguns outros, foram sendo criados e exercem influências variáveis como fazem a Polícia, o Ministério Público e a Imprensa, por vezes chamada de quarto poder. Não a toa, Churchill, dizia: " não há opinião pública; há opinião publicada".
O cidadão sempre foi a opinião publicada, por outros, afinal, exceto em momentos esparsos de conflitos revolucionários, raramente ele encontrava maneiras de representar sua opinião. O advento da internet e sua filha serpente- as redes sociais- tornaram cada cidadão uma opinião pública, frequentemente inconciliável com as demais e que reage, geralmente de modo feroz, quase irracional e até violento, a qualquer discordância ou tentativa de contra-argumento.

Samba será o ritmo adotado pela rainha da Micareta



O genuíno samba que há décadas desceu do morro promete tomar conta do circuito da Micareta de Feira de Santana, de 19 a 22 deste mês. Será o ritmo adotado pela rainha da Micareta 2018, Naiale Oliveira de Jesus (foto), 26 anos e 1,80, para comandar os súditos e espalhar a alegria durante os quatro dias da festa.
Naiale foi eleita rainha da Micareta 2018, na tarde deste sábado, 14, no Teatro Margarida Ribeiro, durante um dos concursos mais concorridos de toda a história da festa, que este ano completa 80 anos de folia. Ela disputou o título contra mais nove candidatas e venceu por uma pequena diferença na pontuação. Também foram eleitas como primeira princesa Taynara Rodrigues dos Santos, 23 anos e 1,55m e a segunda princesa, Karolaine Lopes de Lima Feire, 20 anos e 1,70m.
A rainha conquistou um prêmio de R$ 2 mil enquanto as princesas levaram R$ 1.500,00 cada, além de brindes e flores.

sexta-feira, 13 de abril de 2018

Beijar faz muito bem - conheça os principais benefícios do beijo à saúde!

Beijo não é só prazer.
O ato de beijar proporciona muitos benefícios à saúde.
Mas é claro que isso tem de ser feito com responsabilidade.
Pois o beijo também é um transmissor de doenças.
Logo, o primeiro passo para se beneficiar do beijo é ter uma relação sólida com um parceiro que você pode beijar sem o receio de adquirir uma doença por meio desse beijo.
Durante o ato de beijar, nosso cérebro produz uma versão simplificada de uma substância química chamada dopamina, que é necessária para o desejo.
Essa substânxia também ajuda a aumentar o nível da ocitocina, uma espécie de "hormônio do amor".
Estudos mostram que o beijo proporciona benefícios incríveis ao corpo e ajuda a mantê-lo saudável.
Beijar também estimula o metabolismo, o que pode proporcionar uma vida mais longa.
Interessante é que as pessoas param de beijar no momento em que mais precisam: na velhice.
Talvez a velhice fosse mais saudável caso se beijasse mais nessa  fase.

Bloco do Hospital da Mulher sairá pela primeira vez na Micareta de Feira

Entrando no clima da Micareta de Feira de Santana 2018 - que completa 80 anos de criação - o Hospital Inácia Pinto dos Santos, Hospital da Mulher, “bota o bloco na rua” e estreia na ‘Festa de Momo’ desfilando no Circuito Maneca Ferreira, no dia 18 de abril, data que antecede a abertura oficial da festa momesca. Programado para sair às 20h do Centro Cultural Amélio Amorim, o bloco é voltado para os profissionais da área da Saúde, funcionários, colaboradores, amigos e simpatizantes do parto humanizado.
As camisas serão entregues no dia 18 de abril, das 14 às 19h, na Academia Body Work - Rua São Domingos, nº 498, mesmo local onde poderão ser adquiridas na troca por 1 quilo de alimento não perecível e 1 frasco de vidro com tampa plástica.