sábado, 30 de dezembro de 2017

Tudo o que você precisa saber sobre a ascensão e – aparente – queda do bitcoin em 2017



Esse foi um ano e tanto para as criptomoedas. O bitcoin começou 2017 valendo menos de US$ 1 mil (aproximadamente R$ 3,3 mil) e, em dezembro, quase ultrapassou US$ 20 mil em meio a dois meses de grande flutuação.
Durante toda a curva de ascensão do preço da moeda, céticos previram que a bolha iria estourar – e, há duas semanas, parecia que isso estava de fato ocorrendo.
O preço da moeda caiu até quase US$ 13 mil - e passou a flutuar neste patamar. Na sexta, abriu o dia em US$ 14,4 mil e fechou em US$ 13,3 mil. As mudanças têm acontecido com tanta velocidade que qualquer artigo ou matéria sobre a flutuação ficam velhos cinco minutos depois de serem escritos.
O que é preocupante é que estamos no estágio comum em bolhas econômicas em que as pessoas entram na onda de forma impulsiva, sem pensar muito, com pouco conhecimento sobre como o bitcoin funciona e sobre os riscos envolvidos.

Divulgada atrações do Reisado de São Vicente



A Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer de Feira de Santana divulgou as atrações que animarão os participantes do Reisado de São Vicente, uma das mais tradicionais festas realizadas na zona rural de toda a Bahia, e que vai acontecer nos dias 6 e 7 – sábado e domingo da próxima semana, no distrito de Tiquaruçu.
O palco será ocupado por Raimundo Sodré [na foto acima], Felipe Aladin, Sem Pareia e Quixote é Esse. Os gêneros variam da música de raiz, passando pelo forró típico das vaquejadas e o arrocha. “É uma grade eclética e que vai agradar a quem for ao distrito”, afirmou o diretor do Departamento de Eventos, Naron Vasconcelos.

sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Ronaldo endurece discurso com Rui Costa de olho na sucessão

O sábado era para ter sido de rara sombra e água fresca, mas o imperioso convite do Secretário de Comunicação, Valdomiro Silva, levou-me ao Encontro com Jornalistas, um excelente evento que ele promove anualmente. Teria valido a pena ouvir Reni Alves falar sobre o hercúleo trabalho de ouvir 24 programas por dia e as preciosidades que têm gravadas; Agnaldo Santos com sua majestosa voz expor sobre a entrevista coletiva, e Dilton Coutinho, líder do programa de maior sucesso na cidade, fazer os alertas sobre os meios para construir credibilidade, mas o evento contou com uma atração extra: a estréia de um novo José Ronaldo, o longevo prefeito e maior líder político de Feira. 
 
Diante de espantados jornalistas Ronaldo fez o mais duro ataque ao governador Rui Costa, em um estilo completamente diferente do seu habitual tom conciliatório. Afirmou que renunciaria se fosse provado que Wagner ajudou a obter verbas para o BRT, que Rui Costa não fez nenhuma obra em Feira em três anos, que não fez e não fará o Centro de Convenções, nem o daqui, nem o da capital, que Feira não terá o total dos atendimentos da Policlínica, que a Lagoa Grande é um esgoto e que o governo promete e nunca termina a obra, que a verba investida no Hospital da Criança é menor do que o anunciado e que R$ 24milhões foi repassado a Prefeitura de Itabuna para cooptar o prefeito de lá. 

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Saiba quais são os celulares em que o WhatsApp vai parar de funcionar em 2018



Se você é daqueles que mantém um celular antigo, vale a pena conferir bem a versão atual do seu sistema operacional para não ficar sem o WhatsApp em 2018.
O serviço de mensagens mais popular do mundo deixará de funcionar em alguns smartphones a partir do dia 1º de janeiro. A razão é que ele já não desenvolve suporte operacional para essas plataformas, o que faz com que elas não sirvam mais.
Sistemas operacionais, assim como aplicativos, costumam ter diversas atualizações pequenas durante todo o ano, e pelo menos uma grande, em que a versão do programa muda.
De acordo com o site do WhatsApp, os sistemas que já não serão compatíveis a partir do novo ano são aqueles que operam nos sistemas BlackBerry OS 10 e no Windows Phone 8.0.
"Apesar de esses telefones terem feito parte da nossa história, eles não oferecem a capacidade necessária para expandir as funções do nosso aplicativo no futuro", disse a empresa.

Governo Municipal bate recorde com a compra de R$ 1,7 milhão no Programa de Aquisição de Alimentos

O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) desenvolvido pelo Governo Municipal, através da Secretaria do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico (Settdec), atingiu a sua marca recorde, no terceiro bimestre do ano, ao superar a compra de R$ 1,7 milhão da produção de gêneros diretamente das mãos de 570 agricultores familiares.

A iniciativa, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social, possibilitou a aquisição de 247 toneladas de alimentos, que foram simultaneamente repassados a 27 mil pessoas consideradas em estado de vulnerabilidade social e insegurança alimentar, nas zonas urbana e rural do Município.

Na  cesta de produtos consta feijão, farinha de mandioca, fubá de milho, abóbora, aipim, batata doce, alface, cebolinha, coentro, couve, salsa, beiju, broa e biscoitos sequilhos.

A triagem das 102 entidades socioassistenciais beneficiadas passou pela avaliação técnica de quinze unidades do Centro de Referência de Assistência Social (Cras), e de três unidades do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas).

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

Einstein inventando uma geladeira? A fase menos conhecida do cientista mais famoso do mundo



O que alguém faz depois de descrever a natureza do universo pela primeira vez na história?
Nos anos 1920, Albert Einstein já havia criado a teoria quântica e resolvido a da relatividade. Ele então embarcou em sua última grande expedição pelos mistérios mais profundos da física, naquilo que se tornaria a realização incompleta de um sonho: a busca de uma teoria unificada que conectaria todas as forças da natureza em uma única equação mestra.
Esse é o Einstein que mais conhecemos, aquele que buscou resolver os enigmas mais obscuros do mundo.
Mas, ao mesmo tempo, ele tinha trabalhos paralelos.
Um deles era a invenção de um novo tipo de geladeira.
Sim, Einstein também foi um inventor. Esta nunca foi a parte principal de seu trabalho, mas ele a levava a sério.

7 coisas que danificam a bateria de seu celular - e como evitá-las



A duração limitada das baterias nos smartphones é um dos desafios da tecnologia, e um caso recente envolvendo a Apple trouxe o problema novamente à tona.
Há apenas alguns dias, a companhia admitiu que torna mais lento (através de atualizações) o sistema operacional de iPhones à medida que ficam mais velhos para compensar deficiências que as baterias sofrem com o passar do tempo.
Apesar de garantir que tenta atenuar a deterioração dos dispositivos para evitar que desliguem sem aviso prévio, a empresa enfrenta vários processos nos Estados Unidos, movidos por consumidores insatisfeitos com o desempenho dos aparelhos afetados.
Os celulares usam baterias de íon-lítio. Seu carregamento é rápido e seu desenho compacto, mas também têm desvantagens: são instáveis e seu rendimento cai muito rápido.

Intervenção viária libera cruzamento direto entre Rua Comandante Almiro e Av. Getúlio Vargas



Como parte do projeto de otimização do trânsito em Feira de Santana e aliado a implantação do Bus Rapid Transit (BRT), a Prefeitura Municipal de Feira de Santana e a Superintendência Municipal de Trânsito (SMT) liberam, a partir desta quinta-feira, 28, o cruzamento direto da Avenida Getúlio Vargas com a Rua Comandante Almiro, nas proximidades do Colégio Acesso, a fim de melhorar o fluxo e racionalização do tráfego em horários de pico nestas vias.
Os motoristas contarão, neste novo cruzamento, com conjuntos semafóricos de dois tempos para disciplinar o fluxo de veículos em dois sentidos. A Rua Comandante Almiro terá em toda sua extensão tráfego em sentido duplo de circulação, exceto entre o trecho compreendido entre a Rua Georgina Erisman e a Avenida Presidente Dutra, lateral ao Terminal Rodoviário, que continua em sentido único.

O ano da renovação

Essa publicação é de cinco anos atrás, mas vale a pena reler e refletir... 

“Nada acontece por acaso. E, embora pareça o contrário, até mesmo o mal permanece a serviço do bem” (Emmanuel).
            Há um ano escrevi um texto refletindo e fazendo um balanço do ano de 2011 considerando-o como um dos melhores anos de minha vida. Agradeci a duas pessoas que me ajudaram a crescer e a me tornar uma pessoa melhor. E a Jesus Cristo por ter me dado a oportunidade, colocando essas pessoas no meu caminho para me ajudarem a realizar esta mudança ou de perceber esta transformação.
            Encerrei o texto pedindo ao Supremo Arquiteto do Universo que o ano que estava por vir não fosse apenas um novo ano, mas, um ano de renovação. Que pudéssemos fazer uma faxina na alma e no coração e enterrar todo o lixo (mágoas, erros ou qualquer sentimento negativo) com o ano que findava.

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

A cidade europeia em que a fronteira entre dois países divide casas ao meio



Um recanto sossegado no norte da Europa chama a atenção por uma anomalia geográfia - muitas de suas casas são divididas por uma fronteira internacional, que passa no meio das propriedades.
Desta forma, um casal pode deitar na mesma cama, mas dormir em países diferentes. E há quem mude a porta principal da casa de lugar para obter vantagens econômicas.
Não muito longe da fronteira com a Bélgica, o município holandês de Baarle-Nassau abriga cerca de 30 enclaves belgas, conhecidos como Baarle-Hertog.

Por que achamos que o mundo está pior do que realmente é



No Brasil, a taxa de homicídios hoje é bem mais alta do que no ano 2000, quase metade das meninas e mulheres de 15 a 19 anos engravidaram e quase metade dos adultos sofrem de diabetes.
Essas afirmações acima não correspondem à realidade do país, mas refletem o que pensa a maioria dos brasileiros, segundo a uma pesquisa recém-divulgada pela Ipsos-Mori chamada Perigos da Percepção.
A partir de quase 30 mil entrevistas conduzidas entre setembro e outubro passado em 38 países, a enquete testou a percepção das pessoas sobre 14 temas que causam preocupação ou são de grande importância na mídia. Em resumo, a ideia era saber se o que as pessoas achavam sobre esses assuntos estava perto da realidade - "realidade" essa baseada em informações retiradas "de uma variedade de fontes verificadas", segundo a Ipsos-Mori.

domingo, 24 de dezembro de 2017

Algoritmos das rede sociais promovem preconceito e desigualdade, diz matemática de Harvard



Eles estão por toda parte. Nos formulários que preenchemos para vagas de emprego. Nas análises de risco a que somos submetidos em contratos com bancos e seguradoras. Nos serviços que solicitamos pelos nossos smartphones. Nas propagandas e nas notícias personalizadas que abarrotam nossas redes sociais. E estão aprofundando o fosso da desigualdade social e colocando em risco as democracias.
Definitivamente, não é com entusiasmo que a americana Cathy O'Neil enxerga a revolução dos algoritmos, sistemas capazes de organizar uma quantidade cada vez mais impressionante de informações disponíveis na internet, o chamado Big Data.
Matemática com formação em Harvard e Massachussetts Institute of Technology (MIT), duas das mais prestigiadas universidades do mundo, ela abandonou em 2012 uma bem-sucedida carreira no mercado financeiro e na cena das startups de tecnologia para estudar o assunto a fundo.

Quais são os países que proíbem o Natal?



 O Natal é uma das celebrações mais difundidas no mundo, tanto pelo Cristianismo quanto pelo sistema capitalista. Mesmo assim, ainda causa controvérsia em diversos países, onde é vista como ameaça a outras religiões ou a tradições locais.

Nos últimos anos, em alguns países da Ásia, as celebrações natalinas e até as de Ano Novo têm sido desencorajadas, reguladas ou totalmente proibidas - mesmo para as comunidades cristãs que vivem nestes países.

Em meio a crescentes tensões com as potências ocidentais, o governo da Coreia do Norte se tornou mais hostil em relação ao Natal. O regime de Kim Jong-un não permite nenhuma celebração religiosa para os cristãos e, no dia 24 de dezembro, diz que a população deve celebrar o nascimento da "Mãe Sagrada da Revolução", a mãe do ex-líder Kim Jong-il.

Em 2013 e 2014, as Coreias do Norte e do Sul trocaram farpas depois que a segunda ergueu uma enorme árvore de Natal na fronteira entre os países. O governo do Norte chegou a ameaçar um conflito por causa da prática.

Última noite do Natal Encantado revelou sucesso do evento



 Praça lotada. Um público afinado. Aplausos a cada música. Cenas que se repetiram em noites inesquecíveis. A programação do Natal Encantado, que começou no último domingo, 17, terminou na noite desta sexta-feira, 22, com "chave de ouro". Na praça Padre Ovídio, palco das grandes apresentações, a cantora Joanna e a Orquestra Castro Alves foram as principais atrações. Ainda teve Santini Trio.
Faltava pouco para as 22h, dentro do previsto, quando Joanna, dona de uma voz marcante, provou que continua sendo grande intérprete da música romântica. Mas, foi com "Nossa Senhora" que ela abriu seu show, desejando a todos “paz e tranquilidade”.
Uma sequência de músicas religiosas foi interpretada por ela. Um coro afinado se formou em todas as canções, que já são bastante conhecidas pelo público, sobretudo pelos católicos, na voz de padre Zezinho. Também interpretou “Jesus Cristo”, que fez sucesso na voz de Roberto Carlos; “Romaria”, de Renato Teixeira, e “Força e Vitória”, de Eliana Ribeiro.

Natal Todo Dia

                     
Este texto foi publicado em 2013, mas, continua mais atual do que nunca.

“Um clima de sonho se espalha no ar/ Pessoas se olham com brilho no olhar/ A gente já sente chegando o Natal/ É tempo de amor, todo mundo é igual.
Os velhos amigos irão se abraçar/ Os desconhecidos irão se falar/ E quem for criança vai olhar pro céu/ Fazendo pedido pro velho Noel.
Se a gente é capaz de espalhar alegria/ Se a gente é capaz de toda essa magia/ Eu tenho certeza que a gente podia/ Fazer com que fosse Natal todo dia.
Um jeito mais manso de ser e falar/ Mais calma, mais tempo pra gente se dar/ Me diz porque só no Natal é assim/ Que bom se ele nunca tivesse mais fim.
Que o Natal comece no seu coração/ Que seja pra todos, sem ter distinção/ Um gesto, um sorriso, um abraço, o que for/ O melhor presente é sempre o amor.”
         Versos como estes da música “Natal todo dia”, do grupo Roupa Nova, são ouvidos nas ruas, nas rádios e tevês, nos comerciais das lojas que querem atrair consumidores cada vez mais. Pessoas lotam as ruas do comércio e os shoppings, crianças são arrastadas por pais apressados, em meio à confusão. Há uma correria generalizada. Alimentos e bebidas são armazenados. Os presentes então? São tantos a providenciar! Vemos luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores, mas, há pouco brilho nos olhares, poucos sorrisos, pouca paciência para uma conversa fraternal.

quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

'Tenho câncer e ninguém me contrata': o homem que criou aplicativo para recolocar doentes crônicos no mercado



 David Shutts tinha uma carreira bem-sucedida - um comandante da Marinha que se tornou empresário no Reino Unido. Mas isso foi antes de ele ser diagnosticado com câncer. Shutts logo percebeu que seus empregadores não veriam mais utilidade em seu trabalho - e essa frustração o fez pensar em como os talentos das pessoas com doenças crônicas poderiam ser mais bem aproveitados.
A doença começou a dar sinais com uma dor na lombar. O sintoma não foi suficiente para preocupar o médico e acabou ignorada sob o diagnóstico de uma lesão muscular qualquer. Assim, David continuou levando a vida como sempre, cumprindo os prazos no trabalho e garantindo uma vida social ativa. Mas aquela dor não ia embora - e em dois anos, a dor ficou constante, acompanhada por grande perda de peso sem explicação e noites suadas em que ele acordava de manhã transpirando muito.
"Eu era um cara jovem", ele diz, explicando por que demorou tanto tempo para fazer exames.
"Fui levando e só quando eu não conseguia operar o cortador de grama por causa da dor que minha mulher me obrigou a ir ao médico."

Natal Encantado já foi visto por mais de 30 mil pessoas, estima Secel



Cerca de 30 mil pessoas já passaram por um dos núcleos de eventos relacionados ao Natal Encantado deste ano. A estimativa é da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, tendo como base o fluxo de presentes aos shows realizados na Praça Padre Ovídio.
Eventos, às vezes simultâneos, estão acontecendo no estacionamento da avenida Getúlio Vargas da Prefeitura, na fachada do prédio, no MAP (Mercado de Arte Popular) no coreto da Praça Monsenhor Galvão e na Casa do Papai Noel e no Presépio, montado na área externa da Catedral Metropolitana.

quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

Qual é o futuro do dinheiro - e quais riscos enfrentamos?



Não se surpreenda ao entrar em um restaurante da rede americana KFC em Hangzhou, no leste da China, e ver dezenas de pessoas sorrindo para comprar comida.
Ali uma câmera no balcão analisa o rosto do cliente, verifica sua identidade a partir dos registros do aplicativo Alipay e, em poucos segundos, o pagamento é efetuado.
Hoje em dia, smartphones permitem que digitais, íris e voz - ou até mesmo a própria presença física em uma loja - sejam suficientes para pagar por compras.
Na África, por exemplo, é comum comprar a passagem de ônibus ou transferir dinheiro por meio de uma mensagem de celular. Esse setor vem evoluindo tão rapidamente que está cada vez mais difícil prever exatamente o que vai acontecer nas próximas décadas.
Mas uma coisa é certa: milhões de pessoas vêm usando seus smartphones não apenas para fazer pagamentos, mas para gerenciar seu dinheiro - desde pedir empréstimos a doar para a caridade.
Na China, os pagamentos eletrônicos cresceram 63% entre 2014 e 2015. No Reino Unido, eles já ultrapassaram o uso de cédulas e moedas. O avanço no número de caixas eletrônicos no mundo - e as ameaças à sua existência

Descoberto por acidente, vidro é capaz de se consertar sozinho em 30 segundos



Nem sempre um aparelho celular sai ileso de uma queda. A tela, uma das mais frágeis partes dos equipamentos eletrônicos, é a que mais corre risco de ser danifiada.
Mas uma equipe de pesquisadores japoneses parece ter encontrado a solução para o problema da tela quebrada.
Liderados pelo professor Takuzo Aida, do departamento de química e biotecnologia da Universidade de Tóquio, os pesquisadores criaram um novo tipo de vidro que tem capacidade de se consertar sozinho.
A invenção tem potencial para ser usada não apenas em telas de celular mas também em outros dispositivos frágeis. O vidro é feito a base de um polímero leve que recompõe suas próprias rachaduras.

Facebook admite que deixa seus usuários infelizes



Poucas empresas podem se dar ao luxo de falar mal dos próprios produtos e saírem impunes. O Facebook é uma delas. No último dia 15, o blog oficial da rede social publicou um texto em que dois pesquisadores – funcionários do próprio Facebook – discutem o impacto psicológico e social de passar o dia com a cara enfiada na timeline.  
A primeira providência deles é admitir que rolar a tela sem rumo, julgando o textão alheio, é mesmo a melhor maneira de ficar na bad. “Nas mídias sociais, você pode passar pelos posts passivamente, como quem assiste TV, ou pode interagir ativamente – mandando mensagens e deixando comentários”, afirma o post.
Exatamente como ocorre ao vivo, interagir com as pessoas com que você se importa pode ser benéfico, enquanto observar os outros de longe faz você se sentir pior.”

Alcione vai comandar a roda de samba nesta 4ª no Natal Encantado

Dona de uma voz marcante, Alcione vai cantar, nesta quarta-feira, 20, os seus conhecidos sambas no palco do Natal Encantado. O sucesso de público e de crítica foi conquistado ao longo de mais de 45 anos de carreira.

Os feirenses vão ver toda a sua versatilidade a partir das 20h. Neste ano ela estreou o show “Eu sou Marrom” – Marrom é o seu apelido. Aos 70 anos, a cantora é energia pura no palco. E na praça Padre Ovídio não será diferente.

Será um presente para o público porque Alcione vai cantar em praça pública pela primeira vez. Praça, aliás, muito elogiada por Gal Costa, na sua apresentação de segunda-feira, 18. Disse sentir-se em um teatro.

14 Bis testemunhou o quanto ainda é querida pelos fãs de Feira de Santana



 Já são três décadas rodando o Brasil afora fazendo shows. A banda mineira 14 Bis testemunhou o quanto ainda é querida pelos fãs ao levar milhares de pessoas à Praça Padre Ovídio, palco do Natal Encantado, na terceira noite de apresentações.
O grupo musical levou um repertório de sucessos. Com o show da turnê “14 Bis – 35 anos” fez o público relembrar canções que marcaram os anos 70 e 80, e foi com “Bola de Meia, Bola de Gude” que eles abriram o show, por volta das 20h30.
Em um pouco mais de uma hora de apresentação, os músicos cantaram e encantaram o público com “Uma velha canção Rock’n Roll”, “Todo azul do mar”, “Planeta sonho”, “Caçador de mim”, “Espanhola”, “Canção da América”, “Nos bailes da vida” e “Linda Juventude”. Um repertório com sua característica sonoridade, uma mistura de rock com Clube da Esquina.

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

Como hackers estão usando o Facebook para te roubar sem você perceber



Há alguns anos, o modo preferido de atuação de hackers era enviar vírus que se instalavam nos nossos computadores e podiam destruir nossos arquivos ou tornar o aparelho completamente inútil. Com a explosão de compras pela internet, porém, o foco de muitos deles passou a ser ganhar dinheiro. E as redes sociais se transformaram um de seus principais locais de atuação.

De acordo com o Centro para Estudos Estratégicos e Internacionais (CSIS, na sigla em inglês), um think tank americano, os ciberataques são responsáveis pelo roubo de cerca de 20% do dinheiro gerado na internet - aproximadamente US$ 400 bilhões por ano.

Os números são estimados, já que nem todas as pessoas roubadas pela internet denunciam os crimes, e há muitos países que nem sequer guardam os dados.

14 Bis se apresenta nesta terça-feira no Natal Encantado

A banda mineira 14 Bis será a grande atração musical do Natal Encantado, na noite desta terça-feira, 19. Vai apresentar o show da turnê “14 Bis – 35 anos” na praça Padre Ovídio. O show começa às 20h. No repertório, sucessos que a tornaram um dos grupos musicais mais populares do país entre os anos 70 e 80 e que ainda mantem um grande número de fãs.
A banda que vai ao palco é nova, mas que mantem a essência da sonoridade e reconhecimento conquistados em décadas de estrada. Tira um pouco de todos os sons. Quem for vê-los, com certeza vai ouvir clássicos como formatados no Clube da Esquinam como “Todo azul do mar”, “Planeta sonho”, “Linda juventude”, “Caçador de mim”, “Canção da América”.

O nome dela será Gal, para sempre

 A cantora Gal Costa não foge ao lugar comum: os anos passaram – a sua estreia aconteceu há mais de  50 anos, mas a voz poderosa continua a mesma. Foi o que milhares de pessoas viram e aplaudiram na noite de segunda-feira, 18, na Praça Padre Ovídio, na segunda noite do Natal Encantado.
As suas interpretações são autorais. Únicas. Estava à vontade no grande palco dividido apenas com o violonista e guitarrista Guilherme Monteiro, no show “Espelho d’água”. Em certo momento revelou que montou um set list adequado para apresentação numa praça. Mas, nas entrelinhas, mostrou-se enganada

segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Corte de verbas paralisa testes de chip brasileiro que pode devolver movimentos a tetraplégicos



Há pouco mais de um ano, pesquisadores brasileiros e americanos unidos em um consórcio científico comemoravam os primeiros resultados de uma inédita interface neural - um dispositivo capaz de conectar o cérebro humano a um aparelho externo - que poderia ser a esperança daqueles sem os movimentos de braços e pernas.
A alegria dos cientistas foi abreviada ainda em 2016, quando cortes de verba generalizados atingiram a produção científica nacional. No caso do consórcio, primeiro, os testes foram paralisados. Depois, o time foi desmantelado.
"Todos são procedimentos muito caros. Fizemos um lote de testes e foi quando o Brasil entrou nessa crise e faltou dinheiro para todo mundo", diz Mario Gazziro, pesquisador na USP São Carlos, professor da Universidade Federal do ABC e um dos que encabeçam o projeto.

Divas mostraram versatilidade e talento

Não foi à toa que Kareen, Rachel, Paloma, Pétala e Bárbara foram convidadas para encarnarem a renovação das Jovens Divas feirenses. O grupo mostrou que esbanja talento e bom gosto musical no palco da Praça Padre Ovídio, na noite deste domingo, abertura do Natal Encantado.
E começaram bem. Juntas cantaram o sucesso “Trem bala”. Depois, individualmente, mostraram ao público que lotou a praça os seus talentos, reconhecidos nas manifestações positivas que vinham da galera. E foram muitas as interpretações de grandes sucessos da música nacional.

sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Celular com leitor de impressões digitais na tela pode chegar em 2018



Synaptics, empresa fornecedora de suprimentos tecnológicos, anunciou nesta semana que está trabalhando com a fabricante chinesa de celulares Vivo para lançar o primeiro smartphone com leitor de impressões digitais embutido na tela. O telefone é esperado para o primeiro trimestre de 2018.
Segundo o analista Patrick Moorhead, da Forbes, que testou um protótipo do aparelho da Vivo, o Synaptics Clear ID FS9500 é um sensor que funciona de forma mais conveniente em smartphones que possuem tela com bordas mínimas. O recurso virou tendência entre os celulares premium este ano, como o iPhone X e o Galaxy S8. Entretanto, ainda não há qualquer movimento dessas fabricantes em adotar a tecnologia.

2017 foi marcado por conquistas importantes na luta contra a violência, avalia Conselho da Mulher

Uma reflexão sobre o fim da violência contra as mulheres marcou, nesta quinta-feira, 14, o encerramento das atividades do exercício de 2017 do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher de Feira de Santana. Durante o evento, realizado na Casa dos Conselhos, à rua Domingos Barbosa de Araújo, 611, bairro Kalilândia, a psicopedagoga Anamy Jorge Lemos proferiu palestra sobre os “16 dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres”, movimento que envolveu 160 países coparticipantes.
Conforme Anamy, os 16 dias de ativismo resultaram numa mobilização mundial pelo fim da violência contra as mulheres. “E a abordagem deste tema durante a última reunião deste ano do Conselho nos remete a uma reflexão do que foi feito pela rede de proteção das mulheres durante o ano de 2017”, frisou.

A geração que pode viver menos que os pais porque não sabe comer - e como reverter a tendência



"Olha só, a arvorezinha! É o brócolis! Cheira, sente o gosto!"
Sentadas em roda a pedido da nutricionista Mariana Ravagnolli, as oito crianças de menos de dois anos pegam o brócolis, amassam, põem na boca. A "arvorezinha", assim como outras verduras e legumes, não era parte da rotina alimentar de muitas delas.
As crianças estão no Centro de Recuperação e Educação Nutricional (Cren) da Vila Jacuí, extremo leste de São Paulo, para tratamento de desnutrição - elas simplesmente não vinham ingerindo nutrientes o bastante para se desenvolverem até de chegarem ali, seja por comerem pouco ou por comerem mal.
Karina, de um ano e oito meses, frequenta o local diariamente há um ano. Era um dos casos mais agudos. "Quando chegou aqui, ela mal se mexia no bebê conforto", conta Ravagnolli à BBC Brasil.

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

Caso do painel Lênio Braga chega ao Ministério Público


A Promotoria do Patrimônio Artístico e Cultural de Feira de Santana está sendo provocada a adotar providências no sentido de cobrar da Sociedade Nacional de Apoio Rodoviário e Turístico Ltda (SINART) a restauração do painel Lênio Braga, obra de arte localizada no Terminal Rodoviário da Princesa do Sertão.
O secretário de Cultura, Esporte e Lazer (SECEL), Edson Felloni Borges, formalizou a solicitação nesta quarta-feira, 13, junto ao Ministério Público do Estado da Bahia, através do promotor de Justiça Anselmo Lima Pereira.
O secretário entregou documentação relatando que o painel foi danificado pela instalação de um equipamento no interior no terminal. Segundo salienta Edson Borges, a rodoviária é explorada comercialmente pela SINART, sob concessão do Governo do Estado, que tombou o painel como patrimônio cultural da Bahia em 2001.

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Domingo tem Circula Beco com cinco atrações no Beco da Energia



Neste domingo (17), a partir das 9 horas, o projeto Circula Beco vai levar muita alegria, música e arte ao emblemático espaço do Beco da Energia, no coração co Centro Comercial de Feira de Santana. A retomada da ação cultural contará com cinco atrações. 
Está confirmada a participação do cantor, compositor, produtor e multi-instrumentista Julio Caldas. Dedicado aos instrumentos de corda, em especial guitarra, bandolim e a viola caipira, conquistou importantes premiações ao longo da carreira como o Troféu Dodô e Osmar (2015), o Prêmio da Música Brasileira (2012) e o Prêmio TIM de Música (2005). 
Criado em 2001, o grupo Capitão Corisco & Bando Virado no Mói de Coentro representa a autêntica cultura popular nordestina e também é uma das atrações do Circula Beco. Através dos ritmos do xote, xaxado, baião e maracatu, entre outros, a banda apresenta uma estética que induz o público a uma viagem aos costumes e modos do nosso povo.

Feira expõe produtos da economia solidária e agricultura familiar

Agricultores e membros de grupos que utilizam os princípios da Economia Popular e Solidária participam, nas próximas quinta e sexta-feira (14 e 15), da 3ª Edição da Feira de Saberes e Sabores da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs). O evento será um ponto de encontro para exposição de produtos e apresentações artísticas no campus universitário, no estacionamento ao lado dos bancos, em frente à Incubadora.
A Feira faz parte do projeto Programa Incubadora de Iniciativas da Economia Popular e Solidária da Uefes (Ieps/Uefs). É construída em parceria com grupos que trabalham seguindo os princípios da Economia Popular e Solidária e com agricultores que produzem seguindo os princípios agroecológicos.

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Por que atualizar computador é mais importante até que antivírus para evitar ciberataques



 Informações de 143 milhões de americanos vazaram em um dos maiores ciberataques dos últimos tempos em meados deste ano, quando hackers invadiram o sistema da empresa de gestão de crédito Equifax. O método foi menos cinematográfico do que o crime em si: eles descobriram um acesso aos dados por meio de um software que estava desatualizado havia dois meses.
Aplicativos, softwares e sistemas operacionais ganham atualizações não apenas para melhorar sua aparência e a experiência dos usuários, mas principalmente para corrigir falhas de segurança.
A exploração de vulnerabilidades é uma das principais portas de entradas para hackers, que na última década transformaram o cibercrime "de uma brincadeira em um negócio lucrativo", define Douglas Santos, que trabalha no Laboratório de Ameaças do Canadá da Fortinet, multinacional de segurança de rede.
Mesmo com o aumento expressivo do volume de ataques - e do valor das perdas -, ainda é grande o número de empresas e de usuários de computadores pessoais que são atacados por causa de descuidos como o da Equifax.

Feira da Praça realiza última edição de 2017 em clima de confraternização

Sempre com a proposta de trazer a revitalização do espaço público e o incentivo para o comércio do pequeno empreendedor de uma forma descontraída, a FERIA DA PRAÇA é um laboratório para empreendedores virtuais que os incentiva a deixa de ser projetos caseiros e assumir uma produção de grande porte, como já aconteceu com diversos expositores que iniciaram, de fato, seus negócios na FEIRA DA PRAÇA.
A FEIRA DA PRAÇA traz diversas opções gastronômicas, expositores de artesanato, moda, dentre outros produtos que são excelentes opções das lembrancinhas de Natal e amigo secreto, com preços acessíveis, tudo isso acompanhado de boa música e muita diversão para todas as idades.

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Como 'comportamento de manada' permite manipulação da opinião pública por fakes




A estratégia que vem sendo usada por perfis falsos no Brasil e no mundo para influenciar a opinião pública nas redes sociais se aproveita de uma característica psicológica conhecida como "comportamento de manada".
O conceito faz referência ao comportamento de animais que se juntam para se proteger ou fugir de um predador. Aplicado aos seres humanos, refere-se à tendência das pessoas de seguirem um grande influenciador ou mesmo um determinado grupo, sem que a decisão passe, necessariamente, por uma reflexão individual.
"Se muitas pessoas compartilham uma ideia, outras tendem a segui-la. É semelhante à escolha de um restaurante quando você não tem informação. Você vê que um está vazio e que outro tem três casais. Escolhe qual? O que tem gente. Você escolhe porque acredita que, se outros já escolheram, deve ter algum fundamento nisso", diz Fabrício Benevenuto, professor da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), sobre a atuação de usuários nas redes sociais.

'Em 15 ou 20 anos, o câncer deverá ser uma doença controlada, como a Aids', diz pesquisador do Inca



Nas décadas de 1980 e 1990, um mal pouco conhecido passou a assombrar o mundo e intrigar os cientistas: a Aids, causada pelo vírus HIV. Altamente letal à época, a nova doença se tornou um pesadelo. O filósofo Michel Focault, o ator Rock Hudson, o cantor brasileiro Cazuza e o lendário roqueiro Freddie Mercury foram apenas algumas das celebridades que morreram em decorrência dela.
Mas três décadas depois do surto inicial, as perspectivas de vida de um portador do vírus do HIV são bem diferentes das daqueles tempos. A eficiência dos coquetéis antirretrovirais é comprovada pelos números - no Brasil, o índice de mortalidade caiu mais de 42% nos últimos 20 anos, e a epidemia é considerada estabilizada. Hoje, a doença que mais assusta os brasileiros não é mais a Aids - e sim o câncer.

Festival de Samba projeta talentos feirenses e mostra força de gênero musical



A ideia de que “Quem não gosta de samba bom sujeito não é / É ruim da cabeça ou doente do pé...”, transmitida pela canção Samba da Minha Terra, eternizada na voz do cantor e compositor Dorival Caymmi, ganhou força no Mercado de Arte Popular (MAP), com a promoção do 1º Festival de Samba de Feira de Santana. O evento foi encerrado neste sábado, 9, com dezenas de pessoas embaladas pelo ritmo frenético ao som do coletivo cultural Unidos pelo Samba.
Durante uma semana, o festival, aberto no dia 2, quando é comemorado o Dia Nacional do Samba, projetou talentos feirenses, que mantêm viva uma das principais manifestações culturais populares brasileiras, levando ao público grandes clássicos de canções que desceram os morros do Rio de Janeiro para contagiar todo o Brasil. E aqui em Feira de Santana os artistas também mostraram todo o talento através de algumas produções autorais que caíram ao gosto do público, fazendo todos dançarem.

Uefs Editora promove evento de venda de livros na quarta-feira (13)



Setenta e nove livros, lançados pela UEFS Editora entre 2015 e 2017, estarão à venda, com a presença dos autores, em evento do final deste ano, no dia 13 de dezembro (quarta-feira), a partir das 16h, no hall da Reitoria da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs). 

sábado, 9 de dezembro de 2017

O agito do Rua Viva retorna à Avenida Fraga Maia neste domingo, 10

Após uma rápida pausa, o projeto Rua Viva: mobilidade e lazer com segurança no trânsito, retorna com força total neste domingo, 10, na Avenida Fraga Maia.
A partir de 8h, o circuito entre as ruas Barra dos Bandeirantes e Casemiro de Abreu, com mais de cem metros em extensão e total segurança para quem busca saúde, diversão e bem estar, será mais uma oportunidade de interação entre as famílias feirenses.
Áreas especiais serão criadas pela Superintendência Municipal de Trânsito (SMT) visando oferecer à população espaços seguros para a prática de esportes e lazer, a exemplo de jogos coletivos, andar de bike e triciclo, de skate, patins e ainda curtir carrinhos telecomandados (de controle remoto), além de uma ótima opção para relaxar passeando com animais de estimação, realizar piqueniques ou fazer caminhadas.

sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

Reconhecida como capital de Israel pelos EUA, por que Jerusalém é uma cidade tão sagrada e disputada



‘Árabes e judeus travam uma intensa disputa desde o começo do século 20 para transformar Jerusalém em capital da Palestina e de Israel, respectivamente. Mas esse conflito, que faz do Oriente Médio um centro permanente de tensão, é apenas mais um capítulo de uma história que mescla confrontos por território e heranças sagradas há milênios.
Jerusalém já foi ocupada, destruída, sitiada, atacada e capturada muitas vezes por diferentes povos, entre eles egípcios, babilônios, romanos, árabes e judeus em cerca de três mil anos de história. Também foi santificada por cristãos, judeus e muçulmanos, que veem na cidade o berço dessas religiões.

Só pra lembrar

   


    Não se trata de homenagem, porque se tivesse a chance a teria feito em vida. É só pra lembrar que hoje fazem 37 anos que John Lennon morreu. Se eu tivesse ídolos, Jesus e ele estariam no topo da lista, porque gosto muito de pessoas inteligentes e que posso confiar. (Cristóvam Aguiar)


Coisas que ele pensava e dizia:

Aos 91 anos, escritor Antonio do Lajedinho lança mais uma obra



Foi lançado na noite de quinta-feira, 6, o livro "Memórias de um Feirense (Aos 91 Anos)", mais uma obra do escritor e poeta Antônio Moreira Ferreira, Antônio do Lajedinho, no Museu Parque do Saber Dr. Dival da Silva Pitombo. O prefeito José Ronaldo prestigiou o evento literário, assim como familiares, secretários, políticos, intelectuais e jornalistas.
“A velhice é gratificante quando temos muitas histórias para deixar na História”, escreveu o autor que tem mais nove livros publicados. Durante o lançamento autografou os exemplares e agradeceu a presença de todos.

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

A ressaca é mais forte quando se mistura diferentes tipos de bebidas?



Há vários mitos sobre a melhor forma de beber álcool para evitar, ou ao menos minimizar, uma ressaca.
Quão confiáveis são essas crenças populares? Há evidências de que misturar vinho e cerveja piora a ressaca no dia seguinte? É verdade que não podemos misturar? Infelizmente, as evidências científicas não dão suporte para esse tipo de estratégia.
A BBC fez uma revisão de pesquisas recentes e é possível afirmar que as causas dos principais sintomas de ressaca são desidratação, mudanças nos níveis de hormônios como androsterona e cortisol e os efeitos tóxicos do próprio álcool. Além disso, há evidências de que o sistema imune é afetado e isso poderia ser a causa da dor de cabeça, da náusea e da fatiga.

O casal que ganha uma fortuna para viajar pelo mundo - e matar as pessoas de inveja



Collette e Scott Stohler têm uma carreira aparentemente de sonhos.
Viajam o mundo por seis meses ao ano e ganham dinheiro para postar fotos e vídeos e escrever posts sobre os destinos em seu website e em redes sociais.
Seu feed do Instagram(@Roamaroo) é uma montagem colorida de momentos perfeitos - canoagaem em águas azul-turquesa, brindes em varandas requintadas e carícias em praias desertas. Colette, porém, explica que os bastidores não contam com tanto glamour assim.

Influência
"Fiquem sabendo que a gente está na praia apenas para tirar a foto", alerta. Enquanto muita gente pode achar difícil sentir pena do casal, ela diz que a vida de influenciadores digitais requer trabalho duro e constante, pois milhares de pessoas estão competindo pelas mesmas verbas de marketing.

Qualidade da assistência social feirense é destaque nacional



 A qualificação da assistência social desenvolvida em Feira de Santana é destaque no cenário nacional. O município conquistou o Prêmio Honra ao Mérito para Conselheiros, na categoria cidade de grande porte, na tarde desta quarta-feira, 6. O reconhecimento ocorreu durante a 11ª Conferência Nacional de Assistência Social (CNAS), realizada em Brasília, de 5 a 8 deste mês.
A iniciativa é do Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS) e envolveu todas as cidades brasileiras, sendo que a final foi disputada com Fortaleza, capital do Ceará. E Feira de Santana venceu com a apresentação do trabalho desenvolvido pelo Núcleo de Estudos e Pesquisa de Assistência Social (Nepas), promovido pelo Conselho Municipal de Assistência Social, voltado para a promoção de aprendizado dos profissionais de assistência social, com palestras, rodas de conversas, encontros, seminários, capacitações e outras ações. 

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Por que engordamos quando ficamos mais velhos (e não tem a ver só com o metabolismo)

A guerra contra a balança é algo que atormenta muitos depois de certa idade... e certos quilos.

Quem já passou dos 30 anos sabe bem o que é isso: as calças que entravam com folga na década anterior estão apertadas ou já não cabem mais.
Envelhecer e engordar parecem andar de mãos dadas, embora alguns especialistas digam que o ganho de peso pode ser evitado com o avançar da idade.
A solução, dizem eles, é encontrar uma atividade física que faça você gastar muitas calorias.
Isso porque os quilos extras estão associados ao metabolismo, ou seja, a forma como o nosso corpo consome energia.
Um metabolismo lento é aquele que queima menos calorias em repouso do que o normal. Também é conhecido como metabolismo basal.
Quando envelhecemos, nosso metabolismo diminui por uma questão de sobrevivência.
Ou seja, as células queimam os nutrientes mais devagar e tendem a se agarrar à gordura, preparadas para ter uma reserva em caso de necessidade.

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

MEC quer proibir novos cursos de medicina. Mas o Brasil tem mais médicos do que precisa?

             
Ci
nco anos após flexibilizar as regras para a abertura de novas escolas de medicina, o Ministério da Educação deu um giro de 180 graus em sua política e determinou o congelamento de todos os processos de abertura de novos cursos de medicina no país por um prazo de cinco anos. No período, o órgão afirma que empreenderá um "amplo estudo" sobre o ensino dos profissionais da área de saúde. De acordo com o MEC, a medida "visa a sustentabilidade da política de formação médica no Brasil, preservando a qualidade do ensino".

A proposta é uma guinada no que previa a lei nº 12.871 de 2013, conhecida como a lei Mais Médicos, que impulsionou a abertura de novas escolas para tentar diminuir a carência de médicos em determinadas regiões do Brasil. O Maranhão, por exemplo, tem pouco mais de um terço da densidade de médicos do resto do país.

Tradição de 40 anos, caruru de Santa Bárbara terá mais de uma tonelada de frango nesta segunda

Cinco mil quiabos e 1,2 mil quilos de frango serão usados para o caruru de Santa Bárbara que será servido ao povo no Centro de Abastecimento de Feira de Santana, nessa segunda-feira.
Serão servidos mais 500 quilos de vatapá, 450 quilos de arroz, 600 litros de suco. Os três mil pratos serão servidos, no Restaurante Popular, onde a comida será preparada, logo depois da celebração da missa campal e da procissão que percorre algumas ruas do entreposto com as imagens dos padroeiros do entreposto.